CÂMARA MUNICIPAL DE LISBOA ENCERRA COMEMORAÇÕES DOS 850 ANOS DA CHEGADA DAS RELÍQUIAS DE S. VICENTE A LISBOA

177 views

A Câmara Municipal de Lisboa encerra, em conjunto com várias entidades e parceiros, as comemorações dos 850 anos da chegada das relíquias de São Vicente a Lisboa com uma programação cultural que inclui uma leitura encenada do Auto de São Vicente de Afonso Álvares pelo Teatro Maizum e uma proposta de itinerários com visitas a locais relacionados com São Vicente.     

 

O arranque destas comemorações ocorreu em janeiro de 2023, tendo sido desenvolvida uma programação cultural diversificada que se estendeu ao longo de todo o ano, com o objetivo de dar a conhecer a importância religiosa e histórica da figura de São Vicente, o diácono e mártir do século IV, unificador de gentes e religiões.  

 

Foram várias as iniciativas realizadas, entre visitas temáticas e itinerários, conversas e debates, exposições e homenagens, com destaque para a conferência com o Cardeal D. Tolentino de Mendonça, “São Vicente, uma herança para a Lisboa do futuro”, que teve lugar nos Paços do Concelho, no dia 15 de setembro de 2023, data que marca a chegada das relíquias de São Vicente a Lisboa, tendo sido depositadas na Igreja de Santa Justa e transladadas no dia 16 de setembro para a Capela-Mor da Sé.  

.

Para encerrar este ciclo comemorativo, nos dias 12 e 13 de janeiro, às 19h00, a Igreja do Mosteiro de São Vicente de Fora acolhe a leitura encenada do “Auto de São Vicente” de Afonso Álvares, datado do século XVI pelo Teatro Maizum, com direção artística de Silvina Pereira.

“Para Afonso Álvares a representação teatral era mais importante do que o próprio texto. Assolada por um tremor de terra (1531) e uma peste que lhe dizimava a população, Lisboa, personagem de teatro, queixa-se, das consequências dessas provações, bem como da seca, das más colheitas, da fome e da falta de justiça. É de sublinhar a esclarecida carpintaria cénica do dramaturgo, que faz convergir a representação de entremeses com vilões onde sobressai o tom satírico com a dramaticidade hagiográfica, entrecruzando com habilidade a história, a lenda e o martírio do santo no século IV d. C., com a denúncia dos costumes contemporâneos ao autor, mostrando também com este exemplo pedagógico a dimensão trágico-cómica da vida. Afinal, como acabamos por perceber, o mundo é um palco de múltiplas representações”. (Silvina Pereira, encenadora e atriz).

Estão ainda previstas para os dias 20, 22, 23 e 25 de janeiro, um conjunto de visitas e percursos que convidam todos a mergulhar na história da figura de São Vicente e no significado das suas relíquias.

Mais informações aqui: Auto de São Vicente | (agendalx.pt)

 

PROGRAMAÇÃO DE TEATRO E ATIVIDADES PARA TODOS. A ENTRADA É GRATUITA.

Fotografia: © José Avelar/Museu de Lisboa

Fonte: Câmara Municipal de Lisboa | Direção Municipal de Cultura 

Este site utiliza cookies para permitir uma melhor experiência por parte do utilizador. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Mais informação

Se não pretender usar cookies, por favor altere as definições do seu browser.

Fechar