25 de Novembro, o Depois

767 views

O livro póstumo do jornalista Ribeiro Cardoso l Acaba de chegar às livrarias o livro 25 de Novembro, o Depois.

A sessão de lançamento decorrerá no dia 19 de setembro, às 18h00, na sede da Associação 25 de Abril, em Lisboa e será apresentado pelo Coronel Matos Gomes.

«Hoje, nos media, na Assembleia da República e em geral, classifica-se com a maior naturalidade, este ou aquele militar ou político como moderado ou extremista. É à vontade de cada um. Sem a mínima preocupação de respeitar a verdade e/ou sem se basear em factos concretos. Mas isto faz-se, estou em crer, com objetivos claros…- Porém, aqui chegado, um alerta: o tema-base deste livro não é, no fundamental, o 25 de Novembro – mas o que aconteceu de imediato, após essa data, prolongando-se ao longo de anos. […] é justo sublinhar que alguns dos principais intervenientes ativos no 25 de Novembro, nomeadamente militares que pertenceram ao chamado Grupo dos Nove, já vieram contar em público, e nalguns casos com pormenor e acerto, o que se passou antes e depois do 25 de Novembro. São testemunhos valiosos que, lidos com um mínimo de atenção, contrariam a memória coletiva ainda hoje dominante.»

RIBEIRO CARDOSO nasceu no Porto em maio de 1945. Licenciado em Filologia Germânica, foi jornalista profissional desde1971. Iniciou-se no Diário de Lisboa e foi sócio fundador do semanário O Jornal e redator-fundador dos quotidianos o Diário e Europeu. De 1989 a 1992 foi diretor-adjunto do semanário O Comércio de Macau, tendo permanecido até 1993 naquele território chinês sob administração portuguesa como freelancer e correspondente para a Ásia do Jornal de Notícias e da RDP Antena 1. Regressado a Portugal, foi redator do Tal&Qual, diretor de publicações da TV Guia Editora (RTP) e coordenador da revista Autores, da Sociedade Portuguesa de Autores. Em 1987, com o documentário televisivo O Pinta do Intendente, ganhou o prémio Gazeta, do Clube de Jornalistas. Em 1995 foi co-autor, com Rogério Beltrão Coelho, do filme Exílio Dourado em Macau, realizado por Manuel Tomás. De 2001 a 2004 integrou os quadros da RTP e de 2004 a 2009 foi responsável editorial e um dos moderadores do programa Clube de Jornalistas, emitido na RTP2. Eleito pelos jornalistas portugueses, foi membro do Conselho de Imprensa (1977-81) e, no Sindicato dos Jornalistas, presidente do Conselho Técnico e de Deontologia (1981-83) e vice-presidente da Direção (1987-89). Integrou, ao longo de vários mandatos, os corpos sociais do Clube de Jornalistas e da Casa de Imprensa. Em 2011 publicou, na Editorial Caminho, o livro Jardim, a Grande Fraude, em 2014, O Fim do Império – Memória de Um Soldado Português e, em 2017, O 25 de Novembro e os Media Estatizados. Ribeiro Cardoso faleceu no dia 23 de março de 2023, sendo póstumo este seu livro, 25 de Novembro, o Depois.

Ficha do Livro:

Título: 25 de Novembro, o Depois

Nº págs: 192

ISBN: 9789722132299

PVP C/ IVA: 17,50€

 

Fonte: LeYa

Este site utiliza cookies para permitir uma melhor experiência por parte do utilizador. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Mais informação

Se não pretender usar cookies, por favor altere as definições do seu browser.

Fechar