Paulo Ribeiro – Companhia Nacional de Bailado

210 views

Em Junho de 1977, por despacho do então Secretário de Estado da Cultura, David Mourão-Ferreira, foi fundada a Companhia Nacional de Bailado, que se apresentou publicamente pela primeira vez no Teatro Rivoli, no Porto, com estreia oficial em Dezembro desse mesmo ano, no Teatro Nacional de São Carlos.

No ano em que comemora os seus 40 anos de actividade, o bailarino, coreógrafo, professor e programador cultural Paulo Ribeiro, assume a direcção artística da Companhia, substituindo Luísa Taveira que a dirigia desde 2010.

Com um percurso invejável no mundo da dança que lhe granjeou diversos prémios internacionais, desde logo na sua estreia em Paris como coreógrafo no Concurso Volinine, Paulo Ribeiro acedeu a conversar com a BICA sobre este novo desafio e sobre os 18 anos que dedicou a Viseu, ao Teatro Viriato e à sua Companhia de Dança.

Bica: Comecemos por esta mudança, da Direcção do Teatro Viriato em Viseu para a Companhia Nacional de Bailado, aqui em Lisboa, que acaba por constituir um re- conhecimento do teu trabalho de muitos anos. Como é que encaras este desafio?

Paulo Ribeiro: O desafio foi completamente imprevisto. Eu não estava nada à espera, aliás, foi um convite feito de uma semana para a outra. Mas, não escondo que tinha uma enorme vontade de voltar a trabalhar com uma companhia de dança com uma dimensão maior e guardava uma grande saudade dos meus tempos na Gulbenkian, porque o que me está no ADN é a dança. Por outro lado, foram 18 anos em Viseu e 18 anos completam um ciclo que é saudável que se termine dando lugar a outras pessoas.

Ler na íntegra aqui

Por: João Moreira

Fotografia: Carina Martins

Ads