Machado de Castro em Lisboa: O Laboratório de Escultura

108 views

Machado de Castro (1731-1822) foi um dos maiores e mais notáveis escultores portugueses, tendo sido um dos nomes de maior influência na Europa no século XVII e início do século XIX. Na altura em que se completam 200 anos do seu falecimento, a exposição Machado de Castro em Lisboa: O Laboratório de Escultura conta a complexa história da conceção e realização da estátua equestre do rei D. José, que ainda hoje habita o centro da principal praça de Lisboa, e revisita a ampla produção artística deixada na cidade por esta figura tão carismática quanto polémica.

O monumento, que foi concretizado ao longo de cinco anos e que teve episódios surpreendentes – como a proibição de o próprio escultor assistir à cerimónia de inauguração da sua obra, não foi a primeira nem a última obra de Machado de Castro, mas foi, indiscutivelmente, um momento de viragem.

Derradeiro escultor barroco num tempo de mudança, Machado de Castro foi escultor régio desde 1782 e líder de um Laboratório de Escultura onde se implementou uma metodologia inovadora de aprendizagem e prática artística, tendo concebido os programas escultóricos da Basílica da Estrela e do Palácio da Ajuda.

 

Terça a domingo, das 10h às 18h (última entrada 17h30)

Visita guiada pelos comissários: 11 junho, às 11h

Créditos: Museu de Lisboa
Joaquim Machado de Castro apresenta ao Marquês de Pombal o modelo da Estátua Equestre de D. José I Gravura SENDIM, Mauricio José do Carmo (1786-1870) MC.GRA.1573
artes
Até 8 janeiro 2023
vários horários
Museu de Lisboa – Palácio Pimenta
Fonte: AgendaLx

Este site utiliza cookies para permitir uma melhor experiência por parte do utilizador. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Mais informação

Se não pretender usar cookies, por favor altere as definições do seu browser.

Fechar