“Lisboa, Cidade Triste e Alegre: Arquitetura de um Livro”

1197 views

”Lisboa, Cidade Triste e Alegre”, frase provinda do poema Lisbon Revisited, de Álvaro de Campos, é o título de um livro de fotografia da autoria de Victor Palla e de Manuel Costa Martins publicado pela primeira vez em 1959. Esta obra tornou-se um livro de culto e uma obra emblemática sobre a Lisboa dos anos 50 do século XX.

Em 2017, o jornal Púbico e a editora A Bela e o Monstro apresentaram à Câmara Municipal de Lisboa um projeto de reedição daquela obra em formato de fascículos para serem colocados no mercado junto com o jornal, e ainda da promoção de uma exposição sobre o próprio livro.

Exposição temporária patente no Pavilhão Preto do Museu de Lisboa – Palácio Pimenta (até 16 de setembro) “Lisboa, Cidade Triste e Alegre: Arquitetura de um Livro” Museu de Lisboa.

Coube ao Museu de Lisboa, sob a batuta da comissária Rita Palla Aragão, a honra e o gosto de conceber e apresentar uma exposição temporária no Pavilhão Preto do Museu de Lisboa – Palácio Pimenta, que é muito mais do que uma mera apresentação dos elementos constitutivos do livro.
“Lisboa, Cidade Triste e Alegre: Arquitetura de um Livro” ficará patente ao público até 16 de setembro de 2018. Terá um catálogo, atividades de mediação específicas, e uma série de conversas com especialistas em fotografia e no próprio livro como Tereza Siza, Paulo Catrica, Alexandre Pomar, Luís Camanho, entre outros.

Ler na íntegra aqui

Por: Joana Sousa Monteiro

Foto: Museu de Lisboa

Este site utiliza cookies para permitir uma melhor experiência por parte do utilizador. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Mais informação

Se não pretender usar cookies, por favor altere as definições do seu browser.

Fechar