3ª edição da Drawing Room Lisboa

83 views

A Drawing Room, Feira de Arte Contemporânea Especializada em Desenho, regressa a Lisboa para a sua 3ª edição numa versão de Feira presencial onde serão apresentadas e comercializadas obras das galerias e artistas nacionais (20 Galerias e 60 artistas), e uma versão on-line onde se juntam as galerias internacionais (40 Galerias de Portugal + Brasil, Argentina, Espanha, Reino Unido, Holanda e Itália | 150 artistas I 1000 Obras de arte), contribuindo desta forma para a reativação do mercado da arte contemporânea do desenho e fomentar novas oportunidades de negócio.

O destaque deste ano recai sobre o desenho contemporâneo Português, privilegiando no espaço físico da feira as galerias e artistas nacionais, bem como algumas galerias espanholas pela presença da Feira congénere Drawing Room Madrid. As Galerias Internacionais terão espaço num complemento on-line da Feira – https://drawingroom.pt/store/ – onde os coleccionadores de arte contemporânea vão poder explorar a selecção de obras que cada galeria participante preparou para este projecto digital. Também a programação paralela decorrerá maioritariamente em formato digital e live.

A Drawing Room 2020 dará igualmente espaço e voz a artistas sem galeria, numa curadoria de Natxo Checa, da Galeria Zé dos Bois, numa mostra colectiva também disponível para venda e denominada “O sol de inverno: a cavalo congela a minha sombra”. Dois projetos site specific (P1 e P2) destacam os artistas Moçambicanos; Santos e Rodrigo Mabunda e o artista franco espanhol, Guillermo de Foucault.

Manter-se-á ainda o habitual espaço editorial com uma versão digital para os lançamentos de edições e múltiplos. As publicações serão apresentadas através de cinco editoras e livrarias especializadas: STET – livros & fotografias, Sistema Solar/Documenta, Meel Press e Tinta nos Nervos. 

Desenhos na Cidade

Uma nova iniciativa da Drawing Room Lisboa, com o patrocínio da Fundação PLMJ e a colaboração da Câmara Municipal de Lisboa, traz o desenho a todos os Lisboetas, convidados a percorrer uma rota de descoberta pelo centro da cidade. O trabalho de 30 finalistas do Centro de Arte & Comunicação Visual de Lisboa (Ar.co) e da Faculdade de Belas-Artes da Universidade de Lisboa, selecionados pelos seus docentes na área do desenho, mostra o grande interesse que o desenho contemporâneo desperta nos mais jovens artistas portugueses.

Empenhada em promover o desenho e os artistas, a Drawing Room é uma plataforma pioneira na valorização e comercialização do desenho. Coleccionadores, profissionais e amantes da arte são convidados a conhecer e descobrir o panorama artístico contemporâneo – incluindo uma nova geração de artistas que se apropriou do desenho como meio privilegiado e que encontra a inegável devoção pelo desenho dos grandes mestres.

Prémios

A edição 2020 da DR volta a contar com o apoio das principais fundações nacionais, a Fundação Millennium bcp, a Fundação EDP e a Fundação PLMJ, e ainda da Fábrica Portuguesa de Lápis Viarco, que expressam uma vez mais o seu incontestável compromisso com o desenvolvimento e fortalecimento das artes visuais em Portugal, através de vários Prémios & Apoios a Secções Novas. ´

Durante a inauguração, foram entregues os prémios Fundação Millenium Bcp. Rita Ferreira (Óbidos, 1991) da Galeria 3+1 é a vencedora do Prémio Aquisição Fundação Millennium bcp – Talento Emergente. O Prémio Projecto Artístico Destacado foi entregue a Pedro Calapez (Lisboa, 1953) da Galeria Belo-Galsterer. A Galeria Bruno Múrias foi a destacada com o 1º Projecto Curatorial Galeria. 

 

Mónica Álvarez Careaga, Directora

Mónica Álvarez Careaga é comissária de arte contemporânea e produtora cultural. Historiadora de arte pela Universidade de Oviedo e museóloga pela École du Louvre (Paris). O seu trabalho como curadora tem-se centrado nas relações entre a identidade, a arquitectura e o doméstico, com particular destaque para os suportes como o desenho e a fotografia. Já comissariou diversas mostras de artistas como Cang Xin, Candida Höfer, Pedro Barateiro, Carlos Bunga, Ellen Kooi, Georges Rousse, Wolf Vostell, o Rosa Muñoz e colectivas em Espanha, Portugal, Alemanha, Polónia, Bélgica, Estados Unidos, China e Japão. O seu percurso profissional incluiu ainda funções de direcção na organização de festivais e feiras. Foi directora do Festival Miradas de Mujeres em 2014 e consultora artística da Arte Lisboa de 2007 a 2011. É responsável pelo comissariado de projectos na Arco Madrid, Swab Barcelona, Art Beijing, Set Up Bologna e MIA Photo Fair Milano.

 

www.drawingroom.pt

Ads

Este site utiliza cookies para permitir uma melhor experiência por parte do utilizador. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Mais informação

Se não pretender usar cookies, por favor altere as definições do seu browser.

Fechar