A Judia – A partir de Kurt Weill e Bertolt Brecht

181 views

Numa coprodução entre a ACTA- A Companhia de Teatro do Algarve, o Teatro Municipal Joaquim Benite, em Almada, e a Comuna – Teatro de Pesquisa, A Judia é um espetáculo híbrido, uma incursão teatral e musical num dos episódios de Terror e Miséria no Terceiro Reich, notabilíssima peça de Bertolt Brecht, escrita já no exílio a partir de notícias que chegavam da Alemanha após a ascensão do nazismo.

A partir do monólogo, “mais tarde tornado diálogo”, de Judith, “uma esposa amada, uma amiga, uma jogadora de bridge e uma dona de casa”, que o nazismo reduz “à unidimensionalidade de judia”, o encenador Jorge Balça e o maestro e pianista João Paulo Santos introduzem uma cuidada seleção de peças musicais de Kurt Weill em momentos muito particulares da história desta mulher burguesa que, para evitar problemas drásticos ao marido, o abandona. Segundo os criadores, “as peças musicais de Weill permitem que vislumbremos cenas da história do casal e o tumulto interior” de Judith.

A interpretar A Judia está a talentosa soprano Lara Martins, ladeada pelo ator Miguel Ferreira e pelo pianista Bernardo Marques. FB

20 junho a 23 junho 2024
qui: 21h30; sex: 21h30; sáb: 21h30; dom: 16h
Teatro da Comuna
FONTE: AgendaLx

Este site utiliza cookies para permitir uma melhor experiência por parte do utilizador. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Mais informação

Se não pretender usar cookies, por favor altere as definições do seu browser.

Fechar