Uma Herança, de Miguel Bonnefoy

633 views

Romance vencedor do Prémio dos Livreiros Franceses chega esta semana aos leitores portugueses

Aclamado romance do premiado escritor francês Miguel BonnefoyUma Herança foi considerado um dos 10 melhores romances históricos do ano pelo jornal The New York Times, tendo sido finalista, entre outros, dos prémios Goncourt, Femina e Grande Prémio da Academia Francesa.

A LeYa/ ASA publica Uma Herança, aclamado romance do premiado escritor francês Miguel Bonnefoy. Vencedor do Prémio dos Livreiros Franceses e finalista dos prémios Goncourt, Goncourt des Lycéens, Femina, Femina des Lycéens e Grande Prémio da Academia Francesa, Uma Herança foi considerado um dos 10 melhores romances históricos do ano pelo jornal The New York Times.

Uma Herança combina um conjunto de histórias pessoais vividas por três gerações da família Lonsonier, originária da França e residente no Chile, e momentos-chave da História mundial ao longo de todo o seculo XX. Segundo o The New York Times Book Review, Em Uma Herança, Bonnefoy lança sobre o leitor um fascínio trágico-cómico que lembra Gabriel García Marquez.”

A casa na Calle Santo Domingo abrigou três gerações da mesma família. O patriarca chegara no final do século XIX vindo de Lons-le-Saunier, em França. Trazia num bolso um pedaço de videira e no outro um punhado de trocos. Queria emigrar para a Califórnia, mas um golpe do destino desviou-o para o Chile. Ao chegar, um mal-entendido na alfândega fez com que fosse rebaptizado com o nome da sua terra natal – e assim nascia a família Lonsonier. Anos mais tarde, o filho Lazare regressaria das trincheiras infernais da Primeira Guerra Mundial para se instalar nessa mesma casa com a mulher, Thérèse, construindo no jardim o mais belo aviário dos Andes, que serviria de berço à filha de ambos, Margot. A criança, cuja primeira visão do mundo foi a de cinquenta pássaros nos seus poleiros, cedo começou a sonhar com as alturas, tornando-se uma aviadora pioneira e mãe de um revolucionário, Ilario Da. Ao longo do século XX, de duas guerras mundiais e de dois continentes, os Lonsonier mantiveram viva a lenda de um misterioso tio desaparecido em França. Mas quando uma tragédia se abate sobre a família, será essa figura mítica a guiá-los de volta a casa.

Miguel Bonnefoy nasceu em França em 1986, filho de mãe venezuelana e de pai chileno. Cresceu na Venezuela e em Portugal, onde frequentou o Liceu Francês. Em 2013, foi galardoado com o Prix du Jeune Écrivain. Uma Herança foi aclamado pela crítica em França, tendo sido vencedor do Prémio dos Livreiros Franceses e finalista dos Prémios Goncourt, Goncourt des Lycéens, Femina, Femina des Lycéens e Grande Prémio da Academia Francesa. Bonnefoy vive, atualmente, em Berlim.

Traduzido por Miguel Freitas da Costa, Uma Herança chega às livrarias no dia 28 de fevereiro com um PVP de €15,90.

Fonte: LeYa

Este site utiliza cookies para permitir uma melhor experiência por parte do utilizador. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Mais informação

Se não pretender usar cookies, por favor altere as definições do seu browser.

Fechar