Sombra e Zel

147 views

Sombra e Zel é um novo projeto musical que começa a dar os primeiros passos. Surge duma talvez inusitada união artística entre duas pessoas, aparentemente de vidas díspares, Sombra, professora universitária de 26 anos e Zel, bancário de 49.

É uma banda de originais, que tenta compor e tocar músicas simples, melódicas, com letras pessoais sobre o que os entusiasma e aflige. As músicas são em português porque é o melhor veículo para expressar o que lhes vai na alma e não se limitam a uma temática única, falam de amor, desamor, amizade, o mundo que nos rodeia e todas as preocupações sociais, existenciais e qualquer outro assunto que os inspire.

 

Do ponto de vista musical as canções tendem a variar bastante, fruto do eclético leque de influências dos seus criadores – a música portuguesa moderna, o fado, a música de cariz mais tradicional, de intervenção, mas também a música popular brasileira e anglófona (alternativa, pop, rock). Assim, e talvez devido a esta variedade de inspiração, os temas dos Sombra e Zel vão de baladas a músicas mais alternativas, algumas delas com ritmos e instrumentos mais tradicionais, como a guitarra portuguesa. O que melhor caracteriza o todo dos originais é uma grande variedade de ritmos e géneros e o seu maior destaque é a voz da sua vocalista, Sombra. Uma voz de timbre bonito, expressiva que navega facilmente em vários estilos e é, sem dúvida, o ponto comum que dá coesão aos vários formatos que as músicas desta banda assumem.

 

Sofia e Gonçalo, aka Sombra & Zel, conheceram-se num curso de Teatro na In Impetus Escola de Actores. O início da banda foi em 2022, num formato voz, ukelele e guitarra. Os primeiros concertos foram no Bar da Escola de Teatro e no palco garagem do Festival Bons Sons.

Em 2023 e 2024 tocaram em bares (Xafarix, café Piolho na Praia da Tocha), no Festival Catraia (Praia da Tocha) e no Clube Tiro e Sport em Coimbra (aqui, já com piano e guitarra portuguesa). Neste mesmo ano juntaram bateria e baixo e em 2024 já realizaram vários concertos no formato completo.

 

Neste momento, a banda apresenta-se com 5 elementos, que se desdobram em voz, guitarra, baixo, bateria, piano, guitarra portuguesa e ukelele.

Correntemente a trilhar o percurso dos muitos festivais que servem de oportunidade de ouro para bandas no seu início, foi no passado mês de Maio, finalista do Festival de Bandas Zé Pedro, organizado pela Junta de Freguesia dos Olivais, em Lisboa.

 

No imediato,  deu o passo decisivo de disponibilizar a sua primeira música nas plataformas de streaming. “No dia em que te conheci” é uma música alegre, com laivos de pop e bossa nova, que fala de primeiros encontros e a felicidade de conhecer alguém. Uma música ideal para ouvir e partilhar no verão.

Esta é a primeira de 6 canções que serão lançadas até ao fim do ano.

 

No que refere a concertos, estão planeados a seguir ao Verão em Lisboa, Porto e Coimbra, para acompanhar a disponibilização das músicas.

 

Instagram @sombra.e.zel

Youtube @sombra.e.zel.musica

Spotify:

 

Este projeto tem uma premissa simples: fazer música e tocá-la, que é algo que adoram, esperando que quem os ouve e vê nos concertos, possa sentir e partilhar com eles essa paixão.

 

Fonte: sombra.e.zel

Este site utiliza cookies para permitir uma melhor experiência por parte do utilizador. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Mais informação

Se não pretender usar cookies, por favor altere as definições do seu browser.

Fechar