Leticia Maura

407 views

A flutuar no planeta indie pop-poético, cantautora Leticia Maura assina as oito composições de Try Me e sela um potente encontro geracional com a jovem Vivian Kuscynski, produtora musical e criadora de todos os arranjos

Concerto de lançamento será a 2 de dezembro, às 22h, no Teatro da Comuna, em Lisboa

De dançar numa pista azul ao surf noturno em uma praia prateada, com uma parada no Monte Fuji. Assim a cantautora Leticia Maura atrai o seu público para o universo misterioso e sedutor de seu novo álbum, Try Me, gravado em abril deste ano no NStudio, em Lisboa. A flutuar no planeta indie pop-poético, a multiartista – além de cantora e compositora, é escritora e poeta – assina as oito composições de seu álbum independente a ser editado no dia 24 de novembro, nos formatos físico (vinil) e digital. Os vinis estarão à venda por 17€ na plataforma BandCamp ou na loja Louie Louie, em Lisboa.

 

Try Me, single já editado, é um convite para alguém ficar comigo, mas não só. É também uma conversa comigo mesma, um “auto-convite” para experimentar-me também, e explorar novos caminhos criativos na ideia de casar poesia e música. E é com prazer que abraço os sons electrónicos porque conseguem conduzir-me para um lugar muito emotivo, muito intenso. Sinto-me muito inteira nesse novo álbum”, define Leticia.

 

Contemplação urbana, sedução, intranquilidade, amor proibido (de assumir, mas não de sentir), o atarefado cotidiano das mulheres em jornada tripla: nas letras, sempre escritas antes da melodia nascer, a poesia está à flor da pele. Mais electrónico do que o álbum anterior, Poetic Collage, o novo trabalho surpreende com um solo de koto (instrumento japonês de cordas) em Mount Fuji Song, um apoteótico conjunto de cordas em Winter Surfer e o groove contagiante de um baixo em Nervous.

 

 “Sempre defini minha música como cinematográfica, visual. Quando canto estou vendo as imagens à minha frente, diferentes a cada vez, mas sempre como parte de um enredo, de uma trama, como se cada canção fosse um script, um roteiro”.

 

Try Me tem composições em inglês e em português e sela um potente encontro geracional com a jovem produtora Vivian Kuscynski, de apenas 20 anos, produtora musical e criadora de todos os arranjos, que já produziu trabalhos para Alice Caymmi e Bruno Capinam, além de ter realizado direção musical para Jão e suas composições gravadas por Junior Lima e Pabllo Vittar.

O concerto de lançamento de Try Me será no dia 2 de dezembro, às 22h, no Teatro da Comuna, na Praça de Espanha, e terá a participação do músico Maurício Caruso na guitarra. Os bilhetes custam entre 10€ e 15€ (o público decide o valor que irá pagar), com reservas pelo email tryme.concerto@gmail.com.

 

Anteriormente, Leticia Maura gravou dois álbuns – Movimento (2007) e Lá (2008) – com a ex-dupla eletrônica São Paris, pelo selo FCom, do DJ francês Laurent Garnier. Ao lado do músico Thomas Ferrière, o duo “São Paris” surgiu com uma proposta original na época: a fusão de textos sofisticados com sonoridades eletrónicas.

 

Desde esta época as artes visuais já eram parte fundamental nos álbuns, definidos como “belos objetos” criados por artistas plásticos – algo que Leticia manteve em seus álbuns solos lançados posteriormente.

 

O duo se desfez em 2009 e Leticia escolheu dedicar-se à escrita e à composição, afastando-se dos palcos até 2017. Neste período, publicou Casa 12, obra em prosa poética na qual conta que a poesia está presente na sua vida desde a infância. Atualmente, publica uma newsletter mensal ilustrada pela artista plástica Carla Cavalcante, criadora de colagens, abordando temas ligados à música, aos sentimentos criativos e à poesia, e prepara dois trabalhos para lançar em 2024, um de poesia e um de prosa poética.

 

“Sobre o meu processo criativo, nunca fiz uma música começando pela melodia, é sempre pela letra… em geral vejo uma cena, uma imagem poética que me inspira e aí então começa a nascer uma frase, uma sequência de ideias, enfim, um poema”, finaliza.

 

No álbum, vale destacar a canção título Try Me, que é a voz de uma pessoa livre que convida alguém para viver um momento, sem pensar em mais nada, num desafio sobre a nossa capacidade de viver sem medo ou culpa. O tema seguinte, Pista Azul, convida o ouvinte a dançar, e traz uma mensagem explícita sobre gênero – uma questão que a autora abraça. Na faixa Pink Hair, a letra diz que ela tem um livro da Patti Smith na mão porque a artista é uma grande fonte de inspiração para a autora (Poetic Collage, música-título do álbum anterior, é dedicada à Patti Smith). Mount Fuji surpreende quem escuta: ao arranjo electrónico acrescentou-se um koto, instrumento milenar japonês tocado por um mestre, que tem um som belíssimo. Segunda-feira é um hino de amor ao cotidiano feminino de mãe e trabalhadora. Da hora em que o despertador toca até a noite, descreve a correria, o esforço e os sonhos secretos de uma mulher, nem sempre realizados. A destacar, ainda, Winter Surfer, uma ode ao surf, às criaturas que desafiam as ondas e fazem amor com elas ao mesmo tempo, composta num fim de tarde muito frio na Costa da Caparica, durante um pôr do sol espetacular.

 

SOBRE LETICIA MAURA

Leticia Maura nasceu em São Paulo, Brasil, onde cursou Jornalismo. Começou a vida profissional no suplemento TodaModa, do extinto jornal Shopping News, mas logo mudou-se para Paris. Lá, trabalhou durante vinte anos como jornalista na RFI – Rádio França Internacional. Em 2017, decidiu trocar o mundo das breaking news pela música e passou a viver entre Lisboa e a capital francesa. Publicou dois livros de poesia, Espelho eu (Ed.Massao Ohno) e Poemas de Candeia (JS),  e Casa 12, em prosa poética, editado pela Cia. das Letras.

 

FICHA TÉCNICA:

 

1 | TRY ME

2 | PISTA AZUL

3 | PINK HAIR

4 | MOUNT FUJI

5 | ENIGMA

6 | SEGUNDA-FEIRA

7 | NERVOUS

8 | WINTER SURFER

 

Todas as músicas foram escritas e compostas por Leticia Maura excepto PINK HAIR, escrita por Leticia Maura e composta por Leticia Maura & Vivian Kuczynski

Produção Musical e Arranjos  | Vivian Kuczynski

Produção Executiva | Leticia Maura

Convidado Especial em “Mount Fuji”: Alejandro Barrios (Mestre do Koto)

Convidado Especial em “Winter Surfer”: Vitor Zafer (Violinos, Viola, Violoncelo)
Direção Vocal em  “Try Me”: Wagner Barbosa

Todas as faixas mixadas por: Vivian Kuczynski

Todas as faixas masterizadas por Leo Tows, excepto TRY ME, masterizada por Vivian Kuczynski

Álbum gravado em Abril de 2023 no NStudio de Hugo Romano (Lisboa).

Engenheira de som: Vivian Kuscynski

Faixa TRY ME gravada no Barulho Estúdio em Fevereiro de 2023 //

Engenheiro de som: Rodrigo Conceição.

Comunicação | Lívia Aguiar

Criação Visual, Fotografia e Designer Gráfico | Fernanda Pompermayer

Assistente de Fotografia | Tinho Sousa

Estilista |  Fernanda Yamamoto

Make-up | Victoria Dilallo
Gratidão a Bill Young & Tamie Kitahara (Mestre de Koto)

 

SOBRE O ÁLBUM TRY ME

Lançamento a 24 de novembro

Formato físico e digital

Os vinis estarão à venda por 17€ no BandCamp ou na loja Louie Louie, em Lisboa.
Link para as plataformas digitais: https://ditto.fm/try-me-leticia-maura

 

SOBRE O CONCERTO DE LANÇAMENTO

Concerto de lançamento do álbum Try Me, por Leticia Maura
Dia 2 de Dezembro de 2023, às 22h
Teatro da Comuna

Morada: Av. Calouste Gulbenkian – Praça de Espanha – Lisboa

Participação do músico Maurício Caruso (guitarra)

Bilhetes à venda na bilheteira do teatro até às 21h30 por valores entre 10€ e 15€ (o público decide o valor que irá pagar). Pode-se fazer reserva pelo email tryme.concerto@gmail.com e comprar na hora de chegada.

 

REDES SOCIAIS LETICIA MAURA

Leticia Maura no Instagram –  Leticia Maura no Spotify –  Site –  Newsletter

Fonte: anacristinafiedler

Este site utiliza cookies para permitir uma melhor experiência por parte do utilizador. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Mais informação

Se não pretender usar cookies, por favor altere as definições do seu browser.

Fechar