Jazz e Bossa Nova no Bairro Metropolitan

122 views

 Entre os dias 3 e 6 de outubro, o Terminal de Cruzeiros de Santa Apolónia transforma-se num bairro pop-up, com diferentes manifestações artísticas, musicais e gastronómicas. Durante 4 dias os visitantes do Bairro Metropolitan vão ouvir Tiago Nacarato, Janeiro, Ive Greice, Ricardo Toscano trio e muito mais.

“No palco do Bairro Metropolitan os nossos visitantes vão ouvir Tiago Nacarato, Janeiro, Ive Greice, The Bossa Alibi, Blues & Swing Trio, João Ventura, Ricardo Toscano Trio, Suzie and The Boys, e vários DJs da Fuse Records, assistir a performances artísticas e na  Metropolitan Art ver exposições e instalações da Vanessa Teodoro, Maria Imaginário, Catarina Glam, Rita Ravasco e Drama Lisboa.

 No Bairro pretendemos privilegiar as diferentes manifestações artísticas por considerarmos que se tratam de linguagens por excelência democráticas e que nos permitem descobrir dentro de nós universos de outra forma inacessíveis.

 O dia 5 de outubro, sábado, será dedicado à Bossa Nova enquanto que o Jazz será transversal a todos os dias do evento. Domingo, dia 6 de outubro, e último dia do evento pop up, integram-se experiências dedicadas a um público inserido num segmento infantil”, explica Catarina Vasconcelos, mentora do projeto.

O Bairro Metropolitan, para além dos espaços de cultura, oferece lazer, um espaço comercial e um vasto património gastronómico.

“Na Pink Street os visitantes vão poder tirar fotografias em ambientes cor de rosa, enquanto que na Metropolitan Avenue podem fazer compras em lojas pop up, com uma vasta oferta de produtos de joalharia, marroquinaria, acessórios e vestuário. Na Wine Garden apreciar a degustação de vinhos e no Food Corner experimentar distintos sabores de diversas origens – comida Italiana, Tailandesa, Vegetariana, o típico Hambúrguer ou ainda deliciosas ostras. Fazer a barba na Barber Street, e por fim usufruir de um Rooftop com vista para a cidade de Lisboa”, conclui Catarina Vasconcelos.

O Bairro Metropolitan é um evento de cariz público e cultural, com entrada gratuita. Este bairro onírico, do mundo do imaginário, vai oferecer o que de melhor existe num bairro e colocar os visitantes no centro da experiência.

 

Ads

Este site utiliza cookies para permitir uma melhor experiência por parte do utilizador. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Mais informação

Se não pretender usar cookies, por favor altere as definições do seu browser.

Fechar