FIMFA Lx21 entra na última semana de programação e lança livro comemorativo dos 20 anos do Festival

440 views

O FIMFA Lx21 arrancou no passado dia 4 de maio e continuará a invadir a cidade de Lisboa com marionetas e formas animadas até ao próximo domingo. Até dia 23 de maio, ainda é possível assistir a 6 espetáculos de companhias nacionais e internacionais em várias salas de Lisboa, aos quais se juntam várias atividades complementares.

Na edição que marca 21 anos desde a criação do FIMFA Lx, o Festival acaba também de lançar o livro FIMFA Lx em Fotos: Festival Internacional de Marionetas e Formas Animadas – 20 Anos. Uma edição comemorativa do 20º aniversário do FIMFA Lx, que conta com fotografias de Alípio Padilha. “F de Força, I de Impulso, M de Marioneta, F de Fulgor, A de Animar – dar vida. Foi assim que tudo começou…”, recordam Luís Vieira e Rute Ribeiro, Fundadores e Diretores Artísticos do FIMFA Lx. “O FIMFA Lx assinala as suas vinte edições com o lançamento deste livro. Um número que lembra a idade de todas as esperanças e a alegria do futuro. Tem sido uma grande aventura em torno da descoberta, que partiu da ideia de partilhar com todos a paixão pelas artes da marioneta – poesia visual que ganha vida de múltiplas formas, sem limites, sem preconceitos, sem cores, sem fronteiras.”, acrescentam.

Até ao próximo domingo, dia 23, será ainda possível assistir a 4 espetáculos de companhias nacionais e a 2 espetáculos internacionais. Já hoje e quarta, dias 18 e 19 de maio, o Teatro Taborda recebe os Bonecos de Santo Aleixo, tradicionais do Alentejo e únicos no mundo, com o espetáculo Auto da Criação do Mundo, dedicado a famílias e acompanhado de guitarra portuguesa e muitas cantigas. Pelo Teatro do Bairro passarão ainda Concerto para uma árvore (hoje, dia 18 de maio), um espetáculo com criação e interpretação de Fernando Mota, que marca o início de uma pesquisa à volta de objetos sonoros criados a partir de árvores e materiais naturais; e Ambregris, da companhia francesa Les Antliaclastes. Um dos espetáculos que encerra a 21ª edição do Festival, Ambregris estará em cena de 21 a 23 de maio e aborda o mito do ventre da baleia e a busca pelo âmbar-cinzento, misturando Pinóquio, o capitão Ahab e Jonas, e utilizando marionetas de fios, de vara, de luva e sombras.

No São Luiz Teatro Municipal, o Teatro de Ferro e do Teatro de Marionetas do Porto apresentam Maiakovski – O Regresso do Futuro, a 21 e 22 de maio, uma criação conjunta de uma máquina do tempo para ressuscitar o poeta russo. Também no último fim de semana do Festival, de 21 a 23 de maio, O LU.CA – Teatro Luís de Camões recebe Bakéké, um espetáculo de novo circo e manipulação de objetos destinado a famílias. É também com um espetáculo para todas as idades que o Museu de Lisboa – Palácio Pimenta se despede do FIMFA Lx, com Histórias Suspensas. Uma criação da companhia Radar 360º que será apresentada a 22 e 23 de maio, Histórias Suspensas que inclui um cenário de grandes dimensões, onde é possível fabricar sonhos e guardar segredos. O único limite é a própria imaginação!

Produzido pel’A Tarumba – Teatro de Marionetas, o FIMFA Lx é um espaço de programação contemporânea, inovadora e alternativa que, anualmente, junta reputados criadores mundiais, afirmando-se como um dos mais importantes pontos de encontro internacionais do teatro de marionetas contemporâneo.

Mais informações sobre o FIMFA Lx21 em http://tarumba.pt/2021/pt/fimfa

 

Fonte: Showbuzz

Este site utiliza cookies para permitir uma melhor experiência por parte do utilizador. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Mais informação

Se não pretender usar cookies, por favor altere as definições do seu browser.

Fechar