Festival dos Canais

1183 views

Aveiro celebra a Cultura com concertos, performances de rua e gastronomia

 

Durante cinco dias, Aveiro será palco do Festival dos Canais 2023. O evento, organizado pela Câmara Municipal, tem um programa diversificado e gratuito, com música, dança, teatro, circo contemporâneo e performances de rua. O concerto de Camané, Ricardo Ribeiro e António Zambujo será um dos pontos altos do Festival.

De 12 a 16 de julho, o Festival dos Canais, uma iniciativa da Câmara Municipal de Aveiro, celebra a cultura de forma gratuita com 52 espetáculos e 111 ações culturais, nos quais se incluem 12 estreias em Portugal, com artistas de nove nacionalidades.

“O Festival dos Canais é um pilar da Estratégia para a Cultura da Câmara Municipal de Aveiro, que tem vindo a ser implementada nos últimos sete anos. Este evento oferece diversas expressões culturais de forma gratuita ao público, transformando a cidade num enorme centro cultural, onde há sempre alguma coisa a acontecer, durante cinco dias. Esta nossa aposta já conquistou reconhecimento a nível nacional e internacional, projetando Aveiro como uma das cidades europeias com mais oferta cultural acessível”, diz José Ribau Esteves, Presidente da Câmara Municipal de Aveiro.

Entre os eventos que decorrem nesta edição de 2023, destaque para um concerto com três das mais aclamadas vozes masculinas da atualidade: Camané, Ricardo Ribeiro e António Zambujo, que se juntam, agora em Aveiro, para cantar clássicos da música brasileira. O trio irá atuar no palco do Cais da Fonte Nova, no domingo, dia 16 de julho. Também os D.A.M.A marcarão presença no mesmo palco, desta vez com Buba Espinho a seu lado, assim como a Banda Sinfónica Portuguesa, o saxofonista Henk Van Twillert e a formação Vento do Norte, numa atuação inspirada no pintor Pieter Mondrian. Nos concertos de final de tarde, no palco Música ao Pôr do Sol, estarão Wolf Manhattan, Da Chick, S. Pedro e The Lemon Lovers.

 

Chefs on Fire integra também a programação do Festival dos Canais, realizando-se pela primeira vez fora da Área Metropolitana de Lisboa. O evento gastronómico convida chefs de renome a cozinhar em fogo lento, celebrando as origens da cozinha. João Cura (Almeja), César Vitorino (Foco), Cristiano Barata (O Mercantel), Luís Gaspar (Sala de Corte), Pedro Braga (Mito) e Rafaela Louzada (Gruta) são os chefs que irão dar a conhecer, entre 14 e 16 de julho, ao almoço e ao jantar, o que de melhor se cozinha na Região de Aveiro e no Centro de Portugal.

Arte em movimento nas ruas de Aveiro

Noutros campos artísticos, e entre centenas de atuações de artistas nacionais e internacionais, irá estrear em Portugal o espetáculo “Sylphes”, da companhia espanhola e argentina Aerial Strada, com um grande espetáculo sobre a água, no dia 15 de junho. A performance irá decorrer ao longo do Canal Central e tem o seu ponto alto no Cais da Fonte Nova, com momentos únicos de acrobacia, suspensão, luz, cor, música e seres misteriosos que dançam com a lua.

Também “Obake” irá estrear-se em Portugal, nos dias 15 e 16 de julho, sendo um projeto criado no âmbito de uma parceria entre Aveiro, Malmo (Suécia) e Rouen (França), com o apoio do EFFEA – European Festivals Fund for Emerging Artists. O espetáculo junta várias técnicas artísticas e acrobáticas e irá mostrar ao público como pode Aveiro inspirar a criatividade dos artistas, através do movimento e do meio envolvente.

“Black Victorians”, da encenadora e coreógrafa britânica Jeanefer Jean-Charles, também estará em destaque no Festival dos Canais 2023. A performance de dança celebra e honra a presença das comunidades negras na era vitoriana, através de uma abordagem visualmente impactante. A obra revela histórias muitas vezes esquecidas, tendo como objetivo desafiar estereótipos e preconceitos raciais, revelando a presença e a contribuição significativa das comunidades negras na sociedade vitoriana. O espetáculo pode ser visto a 14, 15 e 16 de julho, no Largo de São Gonçalinho.

Numa junção de fogo e percussão, outra das estreias em Portugal é “Symfeuny”, da companhia basca Deabru Beltzak. O espetáculo, que poderá ser visto nas noites de 14 e 15 de julho desde a Praça da República até à Praça Marquês de Pombal, cria um turbilhão de cores, aromas, ritmos, luz e fogo, em interação com o público e transformando as ruas numa festa.

Pode aceder ao programa completo do Festival dos Canais em https://festivaldoscanais.pt/

 

 

Fonte: f5c.pt

Este site utiliza cookies para permitir uma melhor experiência por parte do utilizador. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Mais informação

Se não pretender usar cookies, por favor altere as definições do seu browser.

Fechar