Dia Internacional da Baga

311 views

É já no próximo dia 4 de maio que os sete produtores que integram os Baga Friends – Luís Pato, Filipa Pato, Quinta das Bágeiras, Quinta da Vacariça, Quinta de Baixo – Niepoort, Sidónio de Sousa e Vadio abrem as portas das suas adegas e mostram a tradição e a qualidade dos vinhos da Bairrada. Esta é também uma oportunidade única para os entusiastas de vinho conhecerem de perto o legado e a excelência desta casta icónica.

Este ano há outra novidade, está a nascer o primeiro espumante Baga Friends. A colheita foi feita o ano passado e está em cave a repousar para se tornar único. Deverá chegar à mesa pelo natal de 2029. “Estamos a evoluir para um novo patamar, queremos um produto diferente, com a marca Bairrada, que é um espumante mas com casta Baga. Cada produtor contribuiu com cerca de 300 litros, vai ser engarrafado agora e deveremos ter cerca de 3 mil garrafas prontas a abrir daqui a cinco anos”, refere Luís Pato, dos Baga Friends.

“ O objetivo é ter um espumante rosado, nobre no paladar e que acompanha o melhor do que se faz pelo mundo interiro”, reafirma Luis Pato.

Enquanto isso, a cada primeiro fim-de-semana de maio, os sete produtores recebem todos os que quiserem conhecer os segredos que estão por detrás destes vinhos. Quem adquirir bilhete terá a oportunidade de circular livremente pelas adegas, entre as 10h e as 18h, sem necessidade de marcação, e assim desfrutar de degustações de vinhos, harmonizações com petiscos tradicionais da região e de falar com os produtores. A atmosfera única do evento também se deve à heterogeneidade dos produtores, cada um tendo propostas diferenciadas e à medida das suas adegas e projectos.

Para a Filipa Pato, a edição de 2024 será o momento para abrir aos visitantes, as portas da sua recém-inaugurada adega. A Quinta das Bágeiras, que está a celebrar 35 anos, aproveita para assinalar a data com pompa e circunstância. E Luís Pato terá uma organização de festas local para vender bifanas no local.

Neste mesmo dia à noite, o grupo de produtores amigos da Baga estarão presentes num jantar de harmonização da Baga com um menu do Rei dos Leitões, parceiro do evento que pensou os pratos a combinar com cada vinho. Será um momento de convívio e partilha em torno da Baga e das tradições culinárias da região.

A casta Baga, que em tempos era exemplo de vinhos mais difíceis e pouco apelativos de beber enquanto jovens, tornou-se uma casta procurada por todos, amada e valorizada. Isto é fruto de um trabalho conjunto dos produtores da região, e claro, dos Baga Friends, que conseguiram criar interesse internacional e nacional à volta desta casta, demonstrando que dela podiam resultar alguns dos melhores vinhos de Portugal. Juntos, os Baga Friends têm mais de 70ha de Baga plantados, o que representa quase metade das suas áreas totais de vinha – uma aposta forte e vencedora.

Este grupo já fez imenso pela Baga. A casta está definitivamente na moda e aqueles que há anos criticavam a Baga, hoje acham que ela é o máximo. Isso traduz o trabalho dos Baga Friends”, revela Luís Pato.

De facto, hoje, a Baga é uma casta cada vez mais reconhecida internacionalmente com o potencial de produzir grandes vinhos de Portugal, vinhos de guarda, mas também vinhos de consumo mais imediato, o que não acontecia há alguns anos. A versatilidade da Baga tornou-se possível também graças ao trabalho afincado e sério que muitos produtores da região, e nomeadamente os Baga Friends, souberam levar a cabo, estudando os seus solos, parcela a parcela, vinificando cada uma de melhor forma para obter os melhores vinhos possíveis.

Aqui cada um trabalha a Baga à sua maneira, com a sua identidade e com a sua abordagem própria. O segredo do nosso sucesso é esse mesmo: revelar que é através da soma do todo que conseguimos revelar a excelência desta casta a nível mundial”, frisa Paulo Sousa.

 

A Baga

 

A Baga, conhecida pela sua complexidade, elegância e capacidade de envelhecimento, é uma casta que tem desempenhado um papel fundamental na história vitivinícola da Bairrada e que tem permitido a produção de grandes vinhos nacionais que conquistam o mundo.

Para contextualizar a importância da Baga, alguns números revelam a sua relevância na região da Bairrada: a casta representa 4% da área plantada em Portugal, sendo a sétima casta tinta mais utilizada na produção de vinho a nível nacional. Dos mais de oito mil hectares plantados em todo o país, a Bairrada é a região com maior peso, na ordem dos três mil e quinhentos hectares. A Baga tem atraído novos produtores, tanto na região da Bairrada como fora dela, mostrando ao mundo o seu enorme potencial.

 

Os Baga Friends

 

Foi em 2012 que um grupo de produtores da Bairrada se uniu para criar uma associação sem fins lucrativos de promoção da casta-rainha da região em todo o mundo, mas a ideia deste grupo havia nascido antes, em 2009. Dez anos depois da criação da associação, em 2022, os Baga Friends criaram o Dia Internacional da Baga, comemorado anualmente no primeiro sábado do mês de maio, abrindo as suas adegas com programas diversificados ao longo do dia. O trabalho dos produtores dos Baga Friends estende-se além-fronteiras e contribui para o reconhecimento da qualidade dos vinhos de Portugal no mundo. O Dia Internacional da Baga é uma contribuição adicional de relevo a este trabalho de promoção dos vinhos nacionais.

 

* todas as informações também podem ser consultadas aqui https://www.bagafriends.com/

 

Fonte: fatima.castro.martins

Este site utiliza cookies para permitir uma melhor experiência por parte do utilizador. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Mais informação

Se não pretender usar cookies, por favor altere as definições do seu browser.

Fechar