Devemos sempre perdoar os cobardes, mas nunca ser como eles – Tiago Vieira

1230 views
23 janeiro a 25 janeiro 2020
21h30
Rua das Gaivotas 6

Devemos sempre perdoar os cobardes, mas nunca ser como eles é a primeira parte de um tríptico sobre as memórias da Segunda Guerra Mundial e uma reflexão sobre o desejo associado violentamente ao amor. Ao amor enquanto real gesto de destruição, o único necessário, a destruição de todos os sistemas de opressão. Devemos sempre perdoar os cobardes, mas nunca ser como eles é um espetáculo que se baseia na ideia de manifesto. Um manifesto é uma ação, uma atitude perante o mundo, um corte com o que incomoda, uma possibilidade de visão, um discurso pessoal que procura atingir o coletivo.

8,5 € – normal
6 € – desconto

Fonte: AgendaLX

Este site utiliza cookies para permitir uma melhor experiência por parte do utilizador. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Mais informação

Se não pretender usar cookies, por favor altere as definições do seu browser.

Fechar