Celebrar o carnaval com ideias arrojadas

343 views

O Museu de Lisboa oferece um programa dedicado às crianças e às famílias nos dias 10 e 11 de fevereiro, repleto de oficinas, jogos, desafios e música ao vivo.

No ano em que se assinalam os 50 anos do 25 de Abril, o Museu de Lisboa toma a revolução como mote da sua festa de Carnaval.

No dia 10 de fevereiro, entre as 16h e as 21h, o pátio do Museu de Lisboa – Palácio Pimenta enche-se de atividades para toda a família, convidando os seus visitantes a darem corpo a uma ideia ou momento histórico revolucionário. De António Variações ao telemóvel, de Carolina Beatriz Ângelo a Einstein, da minissaia aos cravos, de Cesariny à inteligência artificial, o Museu desafia a imaginação de cada um.

Depois de uma tarde preenchida com quizzes e oficinas de expressão plástica e musical, o Carnaval Revolucionário culmina com o concerto dos Farra Fanfarra, a partir das 19h30, banda cujo repertório combina música para dançar influenciada pela cultura Portuguesa, Balkan Brass, Dixieland, Blues, Jazz, Funk e soul.

Também nos dias 10 e 11 de fevereiro se realizam três oficinas gratuitas para famílias. Nas atividades Vamos pavonear-nos – no dia 10, às 10h30, no Museu de Lisboa – Palácio Pimenta – e Máscaras romanas – no dia 10, às 15h, no Museu de Lisboa – Teatro Romano –, os participantes irão construir as suas próprias máscaras de carnaval. A oficina Chapéus há muitos!, no dia 11, às 10h30, no Museu de Lisboa – Santo António, propõe uma viagem à Lisboa medieval, em que se criam vários adereços para a cabeça.

Fonte: Egeac

Este site utiliza cookies para permitir uma melhor experiência por parte do utilizador. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Mais informação

Se não pretender usar cookies, por favor altere as definições do seu browser.

Fechar