ALEXANDRE SILVA E ALEX ATALA PREPARAM JANTAR ÚNICO NO LOCO ONDE A SUSTENTABILIDADE É O PRATO PRINCIPAL

504 views

Mais do que um jantar, este será uma experiência única para todos os que se sentarem à mesa do restaurante LOCO neste jantar que reúne verdadeiros embaixadores dos dois lados do Atlântico, que partilham, como missão no seu trabalho diário, o respeito pelo meio ambiente e a defesa de uma produção e consumo conscientes. Alex Atala e Alexandre Silva vão estar no restaurante LOCO (1* Michelin), no dia 29 de março, pelas 19h30, a preparar um jantar que junta todos estes elementos, com a irreverência, a técnica e o sabor que tão bem os caracterizam.

A sustentabilidade na restauração é um tema que faz cada vez mais sentido colocar em discussão. O uso controlado dos recursos naturais, o aproveitamento total dos alimentos evitando o desperdício ou a defesa de uma economia circular, são questões que devem ser levantadas no sentido de encontrar um caminho, consistente e agregador, que respeite o elo entre a natureza e a cozinha.

Alex Atala tem trilhado o seu percurso neste sentido, com a criação de projetos como os seminários “FRUTO | diálogos do alimento”, que visam discutir questões em torno da alimentação e da sustentabilidade, dos desafios e soluções de reorganização de forma a dar resposta aos problemas que envolvem a alimentação mundial. Estes eventos têm a chancela do Instituto ATÁ, fundado também pelo chef brasileiro, que pretende valorizar e fortalecer a diversidade dos territórios e do conhecimento, promovendo as melhores práticas de sustentabilidade na produção e no consumo, sob o lema: “aproximar o saber do comer, o comer do cozinhar, o cozinhar do produzir, o produzir da natureza”.

“O Alex Atala é uma referência em termos mundiais, com um percurso único, que faz despertar consciências. Estes são valores que defendo, que me definem enquanto pessoa e enquanto chef. Recebê-lo no LOCO é uma inspiração e um momento de partilha entre equipas e formas de olhar para o nosso trabalho dentro e fora da cozinha”, explica Alexandre Silva.

“Não é possível falar de sustentabilidade e não dar valor ao sacrifício dos produtores ou pescadores, por exemplo. Nas minhas cozinhas, seja no LOCO ou no FOGO, o cuidado com a seleção da origem dos ingredientes determina o que apresento nos pratos diariamente. Trabalho com o que a terra ou o mar podem dar nesse dia, com o mínimo de desperdício, sempre sob os valores do respeito máximo pela natureza e pelas gentes que trabalham em prol da alimentação. Mais do que o sabor ou a técnica, o cliente pode esperar uma consciência ativa, que garante, de facto, que o que come interfere o mínimo possível com o equilíbrio do planeta”, acrescenta o chef português.

Uma das grandes causas de Alexandre Silva é a defesa de uma pesca sustentável. A busca por pescadores que garantissem a preservação do meio ambiente e das espécies através de uma pesca selectiva levou-o até ao projeto Anzol+, tornando-se o seu principal fornecedor de pescado.

“Conheço muito bem o projeto e a arte de pesca que utiliza, nomeadamente a pesca à cana e palangre fundeado, que garantem o mínimo impacto ambiental. Inclusive, já tive o prazer de ir para o alto mar com estes homens, que tanto valorizo e respeito. Posso dizer que, neste momento, este é quase o fornecedor exclusivo de peixe para o LOCO e o FOGO”, afirma o chef português.

O projeto Anzol+ surgiu da necessidade de fomentar a implementação de medidas e boas práticas na captura e manipulação dos recursos marinhos, sempre numa perspetiva de equilíbrio entre a preservação dos recursos e a sua exploração económica. Na sua génese está a inovação e a transferência de conhecimentos entre cientistas e pescadores de anzol e pequenos palangreiros, que operam na zona de Peniche e do Arquipélago das Berlengas, desenvolvendo ainda outros projetos como a LIFE Berlengas e a MedAves Pesca.

A noite de 29 de março, no LOCO, promete assim um encontro de dois chefs que partilham mais do que o nome, com valores comuns e talentos únicos. Reconhecido também pela sua participação como jurado no programa “Masterchef Brasil”, Alex Atala distingue-se sobretudo pelo seu trabalho no restaurante D.O.M. (2* Michelin), em São Paulo, no Brasil, elevando as expectativas para este jantar na capital portuguesa.

“Recebi o convite do Alexandre Silva com enorme entusiasmo. O Alexandre tem feito um trabalho focado numa cozinha responsável, sustentável e com uma técnica e criatividade diferenciadora. Neste dia, vão ter dois Alexandres a reforçar uma mensagem fundamental: o ênfase nos sabores da gastronomia nacional, o respeito pelos produtos e pelos seus produtores e, essencialmente, pela natureza. Tenho a certeza de que este jantar vai ser uma experiência única e inesquecível”, refere Alex Atala.

O jantar decorre no âmbito das celebrações do aniversário do restaurante LOCO onde, mensalmente, Alexandre Silva conta com um chef convidado para partilhar a sua cozinha e a sua filosofia. A sustentabilidade na alta gastronomia é o mote para estes encontros, com convidados especiais que simbolizam mais do que uma experiência gastronómica. O preço para este jantar é de 300€ por pessoa, com pairing incluído.

 

 

Informações úteis:

Morada: Rua dos Navegantes, nº 53-B, 1200-731 Lisboa

Horário: Terça a sábado, das 19h00 às 00h30

Reservas: Tel.: 2130951 861, loco.reservas@alexandresilva.pt

https://www.loco.pt/

https://www.facebook.com/locorestaurant

https://www.instagram.com/locorestaurant/

 

Fonte: Chefsagency

Este site utiliza cookies para permitir uma melhor experiência por parte do utilizador. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Mais informação

Se não pretender usar cookies, por favor altere as definições do seu browser.

Fechar