17 filmes inéditos na Festa do Cinema Francês

530 views

Festa do Cinema Francês realiza a sua 24ª edição de 5 e 31 de outubro em 10 cidades portuguesas, apresentando mais de 70 filmes de diferentes géneros e estilos cinematográficos. A secção Inéditos é um programa composto por 17 filmes, sendo que muitos deles ou ainda não têm distribuição comercial assegurada no nosso país, ou vão ser exibidos em video on demand. Assim, a Festa do Cinema Francês é o momento de excelência para assistir a estas obras inéditas no grande ecrã.

O realizador Jean-Baptiste Durand vai estar em Lisboa para apresentar a sua primeira longa-metragem Vira-Latas (Chien de la casse), um tocante filme que estreou este ano nas salas de cinema em França e foi apresentado e premiado em vários festivais franceses.

Depois da estreia mundial na 60ª edição da Semana da Crítica do Festival de Cannes em 2021, onde ganhou o Prémio de Radiodifusão da Fundação GAN, a Feta exibe o filme Geração Low Cost (Rien à foutre) realizado por Emmanuel Marre e Julie Lecoustre.

Do realizador Cédric Klapisch (“A Residência Espanhola”, “As Bonecas Russa”), é apresentado o seu mais recente filme, No Corpo (En corps), sobre a bailarina Elise, que, depois de uma lesão, descobre que nunca mais poderá mais dançar e encontra um novo modo de vida.

No género documental será exibido Rookies (Allons enfants) realizado por Thierry Demaizière e Alban Teurlai, que estreou no Festival de Berlim 2022 e acompanha uma experiência única num colégio de Paris: a de compensar o insucesso escolar através da dança de hip-hop; e Supremos – A História do Suprême 93 NTM (NTM Suprêmes), um filme franco-belga realizado por Audrey Estrougo, que foi apresentado fora de competição no Festival de Cinema de Cannes de 2021, sobre o grupo de rap francês Suprême NTM, focando-se principalmente no período desde a criação do grupo em 1988 até seu primeiro espetáculo no Zénith de Paris em 1991.

Marinette um biopic de 2023 realizado por Virginie Verrier sobre Marinette Pichon, uma das maiores estrelas do futebol mundial, vai ser exibido pela primeira vez nosso país. Esta é a história da vida de uma mulher, pioneira do futebol feminino francês, e acompanha a sua luta pela sensibilização para os direitos das mulheres no desporto.

Na Festa haverá ainda tempo para filmes históricos como As Cores do Fogo (Couleurs de l’incendie) um drama realizado por Clovis Cornillac e o filme de guerra Herói de Sangue (Tirailleurs) realizado por Mathieu Vadepied, que teve a sua estreia na abertura oficial da Un certain regard do Festival de Cannes 2022; e tempo para comédias dramáticas como O Poder do Diálogo (Je verrai toujours vos visages) de Jeanne Herry, Zoe e Tempestade (Tempête) de Christian Duguay, O Parteiro (Sage-homme), realizado por Jennifer Devoldere ou Estrelas Doces (À la belle étoile), de Sébastien Tulard, que integra também a secção Cinema à Mesa.

Para sessões mais descontraídas e bem-dispostas, a Festa programa ainda algumas comédias como Grande Paris (Grand Paris) de Martin Jauvat, Pequenas Grandes Vitórias (Les petites victoires) de Mélanie Auffret, filme que foi apresentado no festival internacional de cinema de comédia Alpe d’Huez 2023, onde ganhou o Prémio do Público e o Prémio Especial do Júri, SOS: Salvem a Nossa Escola (La Cour des miracles), de Hakim Zouhani e Carine May, obra que fez parte da selecção oficial do Festival de Cannes 2022, Um Homem Feliz (Un homme heureux) realizado por Tristan Séguéla e Voar contra o Vento (Sur la branche) de Marie Garel-Weiss.

A Festa do Cinema Francês 2023 realiza-se de 5 a 31 de outubro em dez cidades portuguesas: Lisboa, Almada, Oeiras, Coimbra, Porto, Évora, Beja, Viseu, Faro e Lagos.

 

INÉDITOS

 

AS CORES DO FOGO (Couleurs de l’incendie)

Clovis Cornillac, 2022, 135′

Com: Léa Drucker, Benoît Poelvoorde, Alice Isaaz

Fevereiro de 1927. Após a morte de Marcel Péricourt, a sua filha Madeleine deverá assumir o comando do império financeiro de que é herdeira. Mas ela tem um filho, Paul, que, num gesto inesperado e trágico, a coloca no caminho da ruína e da queda. Confrontada com a adversidade dos homens, a corrupção do seu ambiente e a ambição dos que a rodeiam, Madeleine terá de fazer tudo o que estiver ao seu alcance para sobreviver e reconstruir a sua vida. Esta tarefa é ainda mais difícil numa França que assiste impotente aos primeiros sinais do incêndio que está prestes a devastar a Europa.

 

ESTRELAS DOCES (À la belle étoile)

Sébastien Tulard, 2023, 110′

Com: Riadh Belaïche, Loubna Abidar, Christine Citti

Desde pequeno, Yazid tem uma paixão pela pastelaria. Durante toda a sua infância, Yazid passou por várias famílias de acolhimento e desenvolveu um temperamento forte. Mas para ter sucesso no mundo elitista da pastelaria, o jovem vai ter de aprender a controlar-se. De Épernay a Paris, passando pelo Mónaco, trabalhará com os maiores chefes pasteleiros para se tornar o melhor e tentar realizar o seu sonho de vencer o concurso de campeão mundial de pastelaria.

 

GERAÇÃO LOW COST // ZERO FUCKS GIVEN (Rien à foutre)

Emmanuel Marre, Julie Lecoustre, 2022, 115′

Com: Adèle Exarchopoulos, Alexandre Perrier, Mara Taquin

Cassandre, 26 anos, é assistente de bordo numa companhia aérea de baixo custo. Vivendo de um dia para o outro, apanha voo atrás de voo e festas atrás de festas, fiel à sua alcunha do Tinder “Carpe Diem”. É uma existência sem compromissos, uma forma de escapismo que parece satisfazê-la. Mas à medida que a pressão da sua empresa aumenta, Cassandre acaba por perder o equilíbrio. Será ela capaz de enfrentar a dor enterrada e voltar para aqueles que deixou para trás?

 

GRANDE PARIS (Grand Paris)

Martin Jauvat, 2022, 80′

Com: Mahamadou Sangaré, Martin Jauvat, William Lebghil

Leslie, um jovem desiludido dos subúrbios, arrasta o seu melhor amigo Renard para um projeto duvidoso no outro extremo da Île de France. Num local de construção da futura linha de metro – o Grand Paris Express – descobrem um misterioso artefacto. O suficiente para ganhar dinheiro rápido. Mas à medida que viajam, os subúrbios de Paris tornam-se palco de estranhos fenómenos.

 

MARINETTE (Marinette)

Virginie Verrier, 2023, 96′

Com: Garance Marillier, Emilie Dequenne, Fred Testot

Marinette Pichon é uma das maiores estrelas do futebol mundial, tendo detido durante quase duas décadas o recorde do número de golos e de jogos pela seleção francesa (homens/mulheres), antes de se tornar uma lenda da FIFA ao ser a primeira jogadora francesa a fazer carreira nos EUA.

Pioneira do futebol feminino francês, o filme acompanha a sua luta pela sensibilização para os direitos das mulheres no desporto. Um percurso cheio de armadilhas, desde uma infância devastada por um pai alcoólico e violento até ao pesado fardo de se assumir numa época em que não há qualquer tipo de discriminação.de se assumir numa época em que os direitos LGBTQ+ não existem. O seu sucesso no desporto vai alimentar o seu desejo de fazer a diferença no reconhecimento do futebol feminino francês, da homossexualidade e da igualdade de oportunidades.

É a história da vida de uma mulher, uma lutadora, uma ode intransigente à liberdade, à superação de si própria.

 

NO CORPO (En corps)

Cédric Klapisch, 2022, 120′

Com: Marion Barbeau, Hofesh Shechter, François Civil, Pio Marmaï

Elise, 26 anos, é uma excelente bailarina. Durante uma performance, ela se machuca e descobre que não poderá mais dançar. A partir daí, a sua vida vira-se de pernas para o ar e Elise tem de aprender a reparar-se… Entre Paris e a Bretanha, através de encontros e experiências, desilusões e esperanças, Elise aproxima-se de uma companhia de dança contemporânea. Esta nova forma de dançar dar-lhe-á um novo impulso e um novo modo de vida.

 

O PARTEIRO (Sage-homme)

Jennifer Devoldere, 2023, 105′

Com: Karin Viard, Melvin Boomer, Bruce Dombolo, Tracy Gotoas

Léopold, um jovem de 19 anos, chumba no exame de admissão a medicina. Decide entrar para a escola de obstetrícia, escondendo a verdade daqueles que o rodeiam, com o objetivo de regressar a medicina mais tarde, graças a um programa de transição. Mas quando conhece Nathalie, uma obstetra experiente e com uma personalidade apaixonada, muda a sua visão deste mundo fascinante e das suas certezas.

 

O PODER DO DIÁLOGO (Je verrai toujours vos visages)

Jeanne Herry, 2023, 118′

Com: Jean-Pierre Darroussin, Leïla Bekhti, Adèle Exarchopoulos, Gilles Lelouche

Desde 2014, a Justiça Restaurativa em França oferece às vítimas e aos infratores a oportunidade de falarem uns com os outros em ambientes seguros, supervisionados por profissionais e voluntários como Judith, Fanny e Michel. Nassim, Issa e Thomas, condenados por roubos violentos, Grégoire, Nawelle e Sabine, vítimas de assaltos a residências, roubos e furtos, e Chloé, vítima de violação incestuosa, estão todos envolvidos em medidas de Justiça Restaurativa. Ao longo do caminho, experimentam a raiva e a esperança, o silêncio e a palavra, as alianças e as rupturas, as realizações e a confiança renovada… E no fim do caminho, por vezes, a reparação…

 

PEQUENAS GRANDES VITÓRIAS (Les petites victoires)

Mélanie Auffret, 2023, 90′

Com: Michel Blanc, Julia Piaton, Lionel Abelanski

Entre os seus deveres de presidente da câmara e o seu papel de professora na pequena aldeia de Kerguen, os dias de Alice já estão cheios. A chegada à sua turma de Emile, um sessentão explosivo que decidiu finalmente aprender a ler e a escrever, vai tornar o seu quotidiano impossível de gerir. E Alice, que nunca previu isso, terá também de salvar a sua aldeia e a sua escola…

 

ROOKIES (Allons Enfants)

Thierry Demaizière e Alban Teurlai, 2022, 110′

No coração de Paris, uma escola secundária enfrenta um desafio louco: integrar alunos de bairros populares e quebrar o ciclo de insucesso escolar através da dança hip-hop. Allons enfants é a história desta experiência única em França.

 

SOS: SALVEM A NOSSA ESCOLA (La Cour des miracles)

Hakim Zouhani, Carine May, 2022, 94′

Com: Rachida Brakni, Anaïde Rozam, Sérigne M’Baye

Diretora de uma escola primária em Seine-Saint-Denis, Zahia vê-se ameaçada perante a abertura de uma nova escola privada. Associa-se então a Marion, uma jovem professora, para criar a primeira «escola verde» dos subúrbios parisienses. Mas a resistência da equipa pedagógica não ajuda…

 

SUPREMOS – A HISTÓRIA DO SUPRÊME 93 NTM (Suprêmes)

Audrey Estrougo, 2021, 112′

Com: Théo Christine, Sandor Funtek

1989. Nos bairros sociais desfavorecidos do subúrbio 93, um grupo de amigos encontrou um meio de expressão graças ao movimento hip-hop que acabava de chegar à França. Depois da dança e do graffiti, JoeyStarr e Kool Shen começaram a escrever letras de rap impregnadas da raiva que fervilhava nos subúrbios. Não demorou muito para que os seus ritmos febris e letras rebeldes galvanizassem as multidões e entrassem em conflito com as autoridades. Mas não importava, o Suprême NTM nasceu e, com ele, o rap francês fez uma estreia sensacional!

 

TIRAILLEURS (Tirailleurs)

Mathieu Vadepied, 2023, 100′

Com: Omar Sy, Alassane Diong, Jonas Bloquet

1917. Bakary Diallo alista-se no exército francês para se juntar a Thierno, o seu filho de 17 anos, que foi obrigado a alistar-se. Enviados para a frente de batalha, pai e filho enfrentam a guerra juntos. Estimulado pelo entusiasmo do seu oficial, que quer levá-lo para o meio dos combates, Thierno libertar-se-á e aprenderá a tornar-se um homem, enquanto Bakary fará tudo para o tirar dos combates e regressar são e salvo.

 

UM HOMEM FELIZ (Un homme heureux)

Tristan Séguéla, 2023, 89′

Com: Catherine Frot, Fabrice Lucchini, Philippe Katerine

Enquanto Jean, o muito conservador presidente da câmara de uma pequena cidade no norte de França, faz campanha para a sua reeleição, Edith, a sua mulher desde há quarenta anos, dá-lhe a notícia que já não consegue calar… No fundo, ela é – e sempre foi – um homem. No início, Jean pensa que se trata de uma piada, mas rapidamente percebe que Edith está a falar a sério e determinada a levar a sua transição até ao fim. Jean apercebe-se que não só a sua relação, mas também a sua campanha eleitoral, correm o risco de ficar de pernas para o ar…

 

VIRA-LATAS (Chien de la casse)

Jean-Baptiste Durand, 2023, 93′

Com: Anthony Bajon, Raphaël Quenard, Galatea Bellugi

Dog e Mirales são amigos de infância. Vivem numa pequena aldeia no sul de França e passam a maior parte dos seus dias na rua. Para matar o tempo, Mirales tem o hábito de provocar Dog mais do que devia. A sua amizade é posta à prova com a chegada à aldeia de uma jovem rapariga, Elsa, com quem Dog começa a ter um namoro. Cheio de ciúmes, Mirales tem de esquecer o seu passado para crescer e encontrar o seu lugar.

 

VOAR CONTRA O VENTO (Sur la branche)

Marie Garel-Weiss, 2023, 91′

Com: Daphné Patakia, Benoît Poelvoorde, Agnès Jaoui, Raphaël Quenard

Mimi tem quase trinta anos e ainda sonha com o que poderá fazer quando for crescida. Quando decide procurar um emprego, conhece Paul, um advogado à margem de tudo. Juntos, tentam defender Christophe, um malandro que insiste na sua inocência. Enquanto Paul vê o caso como uma forma de se redimir, Mimi vê-o como uma missão, um caminho para a justiça e a verdade.

 

ZOE E TEMPESTADE (Tempête)

Christian Duguay, 2022, 111′

Com: Mélanie Laurent, Pio Marmai, Kacey Mottet Klein

Nascida na coudelaria dos pais, Zoé cresceu rodeada de cavalos e só tem um sonho: tornar-se jóquei! Tempête, uma potra que ela viu nascer, tornou-se o seu alter ego. Mas numa noite de tempestade, Tempête entra em pânico, derruba Zoé e destrói o seu sonho. Mas ela vai agarrar-se e tentar o impossível para se reconectar com o seu destino.

 

Fonte: ritabonifaciopress

Este site utiliza cookies para permitir uma melhor experiência por parte do utilizador. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Mais informação

Se não pretender usar cookies, por favor altere as definições do seu browser.

Fechar